sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Dez considerações sobre o natal

1. Tem um lado ruim: tem Simone e Roberto Carlos; Mas tem um lado bom, a certeza de que só ouviremos falar em Simone e Roberto Carlos daqui a um ano.
2. Papai Noel com barba falsa e enchimento de travesseiro me deprime desde a mais tenra infância.
3. Simone cantando "deixei meu sapatinho(?) na janela do quintal" é definitivamente, piada pronta de fim ano. Dá para o papai noel deixar um ônibus no sapatinho dela.
4. Amigos ocultos significam ganhar presentes vagabundos como agendinhas de bolso
5. Confraternização de empresa: oportunidade única de se reunir fraternalmente com que fez fofoca, inventou história e te sacaneou o ano inteiro.
6. Em reuniões de família grande é a ocasião única de ver quem progrediu e quem fracassou durante o ano com base no carro que estacionaram na porta do local de reunião.
7. Eterna dúvida: Jesus ganhava dois presentes mais ou menos ou um presente bom valendo pelos dois?
8. Reportagens sobre o excesso de comidas no Natal, sobre como fazer um ceia gastando pouco, sobre compras de presentes de última hora... eita televisão criativa a nossa! Há décadas fazendo a mesma coisa.
9.Scraps disparados aos montes no seu orkut com a mesma mensagem igual para todos... Fala sério, alguém se sente lembrado com esses "FW para todos de sua lista"?
10. Troca de presentes e pessoas pensando quanto custo o que recebeu e quanto custou o que deu para dali extrair uma relação de superávit ou déficit.

Mas ainda assim, adoro Natal. Momento de lembrar daquele que veio para nos salvar: 
O décimo terceiro.


Postar um comentário