quarta-feira, 16 de junho de 2010

Ensino à distância funciona ? - Parte III (Última parte)

Parte III - Não o tempo todo e com todo tipo de conteúdo.

Embora os meios de ensino à distância tenham evoluído muito e contemplem grandes áreas do conhecimento e ainda que os alunos adquiram método de estudo, algumas formações continuarão sendo necessariamente presenciais ou semi-presenciais. Por exemplo, você deixaria o seu filho operar com um neurocirurgião que se formou à distância? Deixaria seu projeto de prédio de milhões de reais nas mãos de um engenheiro que se graduou à distância? Ou mesmo, iria a um médico de próstata que estudou à distância e está aprendendo na prática depois de formado já que no tempo de estudo só viu um fiofó na tela do pc. (Isso acho que a maioria de nós já viu também...) Bom, a brincadeira é para chamar atenção de que alguns ofícios dependem mais da prática presencial orientada do que se imagina.
Aprender é relacionar-se com o conhecimento, com a prática dele e com a presença de outro ser humano que estabelece uma relação de filtro afetivo de aprendizagem. Computadores ainda não são capazes de substituir a presença de pessoas, de tom de voz, de odores e toques... os seres humanos são extremamente sinéstesicos (precisam dos sentidos no processo de entender) e ainda não dá para dispensar o professor em carne e osso em muitos processos de aprendizagem. Somos seres gregários, precisamos do outro, da experiência do outro falada de forma espontânea presente, narrando erros, rindo, entendendo que cada pessoa tem um tempo e se valendo disso para oferecer o melhor de si. 
Ainda que mundo caminhe para o on line, não consigo ver um mundo sem gente de carne e osso e por perto.  

5 comentários:

Unidos em Cristo disse...

Artigo muito bom, discordo em parte contigo pois o ensino a distância não deve ter um preconceito tão grande, pois estudos comprovam que até mesmo pessoas que simularam aulas de tiro, tiveram resultados semelhantes aqueles que treinaram na prática. Há pouco foram feitos exames onde as pessoas que aprenderam a distância sairam melhores que aqueles que tiveram aulas presenciais.
* Talvez no futuro tenhamos telecentros, com hologramas dos professores, e salas de aulas de dois mil alunos (divididas em vários centros).

Um abraço

Mulher de Fases disse...

Impensável...o online ajuda,inclusive leva certos cursos a lugares 'inóspitos' .
Mas não há existe nada melhor que uma aula presencial.
O olho no olho é essencial.
Abços

Rosangela disse...

Marcelo, vc assistiu o filme Substitutos com Bruce Willis, é um filme bom, que fala mais ou menos o que vc teme que aconteça. Pode parecer utopia imaginar que algo como o que acontece no filme possa vir a se tornar realidade. Mas olha, tenho um exemplo: Fiz um curso de Blender, online. Nesse curso o professor optou por usar um cenário virtual 3D o Second Life(até pq o Blender constrói esse tipo de cenário). Então íamos lá 3 vezes na semana com nossos avatares, estudar, era bem interessante. Não aprendi mais, acho que por que sou loira rsrsr. Mas vi feras sairem formados e obterem sucesso.
Então, pode até ser que no futuro a internet seja um fiasco, uma bobagem como pode não ser.O homem caminha para fazer dessa realidade, algo muito presente em nossas vidas. É uma transição cultural, isso ao meu ver. Portanto num futuro não distante. Pessoas mais urbanas estarão sim sujeitas a viverem enclausuradas num sistema de conexões.
Por exp: Universidades como Harvard, estão investindo, e pesado no ensino virtual como vc se quiser, pode constatar nesse site; http://www.cidade.usp.br/blog/universidades-brasileiras-investem-no-second-life/
A internet tende a dominar o mundo e tem muitas empresas lutando forazmente por isso!
Abração Marcelo e parabéns pelo novo membro da familia que vem por aí!

Mamãe caprichosa disse...

Marcelo, essa é uma discussão que dá muito o que falar...
Eu já deixei um comentário aqui onde deixo claro que sou muito favorável ao EAD, mas concordo que tem casos particulares que o ensino presencial deve, de fato, ser mais eficiente!!!
Agora, com relação aos cirurgiões.....eles já estão fazendo cursos a distância de como operar máquinas operatrizes!!! É meu querido....o negócio está mais adiantado do que a gente imagina!!
Abs
Carla
http://mamaecaprichosa.blogspot.com

Valdeci disse...

Acho que deve se analisar com relação aos paradigmas... concordo que relacionar com pessoas é bom, porém devemos compreender que nem todos tem tempo e dinheiro para cursar um presencial. Sem contar que uma aula elaborada antecipadamente pode ser mais produtiva e sem interferência de uma discussão supérflua (que sempre ocorrem nas aulas presenciais).