quinta-feira, 27 de outubro de 2016

O que você precisa saber para compor...

Bom, Dorival Caymmi se foi, Vinicius também... e nessa leva se foram Tom Jobim, Cazuza, Renato Russo, Raul Seixas entre outros tantos. Esses desfalques na MPB deixam o time mais fraco e com possibilidade de cairmos de série. Daqui a pouco vai haver tantos desfalques que já somos a MPB, ano que vem, disputaremos a série MPC. Queremos voltar para série A, queremos a MPA... Nós e o Vasco.

Mas nem tudo está perdido, para atender uma demanda de mercado, criamos o Compor é fácil, escreva você mesmo sua canção e faça sucesso. Um livro de auto-ajuda que ajuda quem quer compor e atrapalha quem gosta de ouvir.

Veja alguns exemplos...

Um pagode
Ingrediente: uma rima em –ão, uma em –or e uma em –ento...

Em todo pagode quando você cantar “e ficou a dor, desse grande ....” engate logo algo como amor. E prossiga: “Tive essa paixão em meu ....” Sabe que lá vem “coração”... “Não sei se aguento, esse ....”, sofrimento... Muito bem.. aqui o céu é o limite.

Um funk....
Ingrediente: Três verbos e a repetição silábica adequada:
Quero, quequero, quequero, quero, quequero, quero...
Dança, dandança, dandança, dança, quero, quequero você dançar..
Vai,... vaaaiiiii, vaaaii... (acrescente o movimento do quadril creu na velocidade 2 e aumente progressivamente)... Muita gírias e duplos sentidos...


Um heavy metal
Dispense os ingredientes e grite. Mas grite com vontade! Se você tem um instrumento, esquece essa história de nota e cifra, toque.. toque não, bata, mas bata com vontade nele.Ah... se você tem espaço para pular, pule... Ah sim, mas pule com vontade!


Um samba enredo:
Ingredientes: Tema (libertação dos escravos), palavras-chave (construir nação, negro, escravidão, sofrimento, liberdade), palavras-básica (avenida, alegria, emoção, carnaval), onomatopéias básicas (oooiiii, ihhhh, aaahhhh).

Misture as palavras com o mesmo ritmo de sempre (assista um desfile e entenderá que ritmo é esse). Ao final de cada frase, faça a divisão silábica da última palavra (ex.: e todo essa emoção... E–MO–ÇÃO. Ah sim prefiras as trissílabas... com polissílaba é mais difícil) Onde você não souber o que cantar, acrescente ôôôô... e termine sempre: vou cantando na avenida...

Sertanejo/brega/pop
Arrume uma mulher bem vagabunda, case-se, gaste dinheiro com ela, fique apaixonadinho, leve um par de chifres e um pé na bunda. Escreva um relato rimado com no máximo 60 palavras sobre o que aconteceu com você. Pronto. Agora, cante! Sempre em dupla é claro. É o corno e o amigo do corno.

Atenção! Ao final da frases faça "huuuuuummmm" com a boca fechada... Por exemplo, Meu coração(huuuummmm) ....

Rock Teen/emo
Ingredientes: incertezas, paixões perdidas, tédio e desilusões.

Aí você não compõe nada porque já tem demais disso na mídia. Mas se você curte, ligue o som com um conjunto desse, dance abraçando os próprios ombros na frente de um espelho com os olhos semi-cerrados, ouça, chore, jogue a franjinha para o lado e chore mais. Não se preocupe, sua mãe e seus parentes não vão achar que você é esquisitão.
Nessa altura do campeonato, eles já não acham mais nada... e evitam falar no assunto.

É isso, peça já..

Os primeiros 100 pedidos levam grátis, sem nenhum custo adicional o método “Agogô e triângulo sem mestre” nos níveis básico, médio e avançado...

Postar um comentário