sábado, 4 de setembro de 2010

Mulheres não sabem nada sobre homens.


E a recíproca é verdadeira. Homens não sabem nada sobre mulheres. A diferença é que as mulheres sobem em seus saltos e afirmam que conhecem os homens como a palma da mão. Outro dia, uma colega falou que gostaria de ser uma mosquinha para ouvir o que falamos quando estamos em um grupo só de homens. E insinuou que falamos de mulher o tempo todo... Ledo e eterno engano do sexo feminino. 

Vou contar, mas não devia, um segredo sobre os homens que talvez lhes sirva de pista para invadir a alma masculina: - homens são meninos grandes. Pronto, falei!
Os meus pares devem estar me odiando nesse momento e dizendo: maldito, revelou o segredo da irmandade. Entretanto, confesso que gosto de ser entendido e dar essa pista é uma maneira de ajudar o processo.
Homens, quando se juntam, falam de esporte, carros, computadores, programas de TV, filmes, música, contam piadas nojentas e politicamente incorretas e morrem de rir com histórias que falam de peidos e arrotos. Homens falam, raramente, de mulher, conversam mesmo é sobre futebol (quando gostam do assunto) e se compram um aparelho eletrônico (um celular, uma câmera digital, um computador de mão...) ficam doidos para encontrar um colega para mostrar e brincarem juntos. E quando encontram, brincam e riem como se fossem dois meninos com um carrinho novo.
Homens são fechados. Dificilmente falam de suas preferências íntimas com os amigos e se exageram no relato de suas conquistas são mau vistos pelo colegas. São chamados de “gargantas”...
Mas numa coisa as mulheres estão certas sobre nós: homens são todos iguais.
São meninos que se recusam a crescer, mas que têm brinquedos caros.
Sendo assim... parem de escolher tanto e poupem seu tempo. Somos todos iguais.

Em tempo: Caras mulheres, quem vocês pensam que sonha com o helicóptero de controle remoto de brinquedo da foto? Adivinhem. Tem 39 anos e acabou de escrever esse texto.

Postar um comentário