segunda-feira, 9 de novembro de 2015

Diário de um quase careca - fio de cabelo perdido

Tenho perdido cabelo há um bom tempo. Embora tenha feito de tudo, eles vão me abandonando apesar dos meus apelos. Acho que é coisa pessoal, a questão não é mais genética, é problema de relacionamento mesmo. Hoje, sou um portador de necessidade especial considerando que cabelos no alto da cabeça já se tornaram algo especial para mim e que sua necessidade é visível. As entradas de cabelo se acentuam de tal forma que já suspeito que sejam entradas para outra dimensão. No espelho, parecem tão grandes que suspeito que ao enfiar o dedo nelas, talvez toquem em Nárnia, não sei. Melhor não arriscar.
Daí, no dia a dia, surgem diálogos hilários como o de hoje quando entrei na cozinha experimental da escola técnica em que trabalho. Uma das funcionárias, logo na entrada, me avisou:

- Professor, tem que usar touca para não cair os cabelos aqui.
- Não precisa. Disse eu. Os meus cabelos ja caíram antes de eu entrar. Completei.
- Mas se perder um fio de cabelo aqui é um problema... Ela disse
E eu completei...
- E olha que é um problema mesmo. Se eu perco um fio aqui, chego em casa, dou falta e não tenha dúvida, volto para buscar. E quando achar vou ficar numa alegria que só vendo...

Ela riu.
E eu vesti a touca ao entrar para não perder mais um fio de cabelo.
Sou muito apegado a essas coisas.

Postar um comentário