quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Congresso aprova lei da imprensa responsável - censura branca

HÁRIDOs DIAS
DE BRASÍLIA


Na última sexta-feira (22), foi aprovado o projeto de lei Chávez-Morales, um projeto que, segundo afirmam seus autores, pretende promover uma imprensa responsável e aliada à causa do povo. O projeto prevê a instalação de uma comissão de notáveis que irá avaliar o grau de relevância e interesse do Estado e do Povo sobre todas as informações que forem veiculadas pela mídia cabendo a estes membros do conselho o direito de veto da informação veiculada e cancelamento das atividades de órgãos de imprensa que ferirem as bases constituídas do estado com intento à subversão da ordem. A esses processos estarão submetidas as TVs, Revistas, Jornais, rádios e sites de internet para o qual será criado um sistema integrado de informação (SisInfo) que estará vinculado à Casa Civil e ao Gabinete de assuntos estratégicos da república. O projeto aprovado ainda prevê a criação do programa Juventude Nacional Socialista (JNS) que permitirá a formação e conscientização dos jovens com a causa comum e o bem do Estado e tem por objetivo combater e denunciar aqueles que, por trás da bandeira democrática tentam atacar as verdades sociodemocratas do bolivarianismo do terceiro milênio. Medidas como essa se somam ao projeto em discussão no senado "Guerreiros da Terra” que visa preparar os movimentos rurais para tomarem, se necessário com a força, o que lhes é direito, as terras improdutivas. Os órgãos de imprensa ainda não se manifestaram com relação ao projeto, pois já estão enquadrado na nova lei e esse tipo de atitude caracteriza ato de subversão e antipatriotismo passível de medidas legais.

O líder do governo na câmara, deputado Asdrúbal Venceslau (PJC-AC) afirmou não há necessidade dessa imprensa subversiva em um país cujo governo reflete os anseios de seu povo. Os formadores de opinião são as próprias pessoas e suas consciências de quanto esse país avançou nos últimos anos e vai continuar avançando ainda mais.


ATENÇÃO!
A notícia acima é uma grande mentira, mas o que vai fazê-la continuar a ser é a seriedade com que encaramos o que se passa sob os nossos olhos. Orai e vigiai.... sempre.

Postar um comentário