quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010

Carnaval, tudo de novo, outra vez a mesma coisa... de sempre.

Em fevereiro, em fevereiro... tem carnaval, tem carnaval... já diz a musiquinha do século passado. E tem mesmo, sempre, tudo igual, de novo, outra vez, o mesmo. A Globo vai mostrar flashes do carnaval de Pernambuco com um monte de gente jogando as pernas para frente com sombrinha na mão. Na Bahia, vários trios elétricos com um monte de gente suada atrás e sempre há uma dança nova exatamente igual a velha, mas com nome de impacto. No Rio, o desfile das escolas de samba (com um ou dois BBBs desfilando) e, em São Paulo, uma espécie de série B do carnaval de escolas de samba, o pessoal misturando carnaval com rivalidades no futebol. 
Há o saldo de mortos e feridos por excesso de bebida, os acidentes de trânsito, os programas que dão dicas de como curar ressaca, as pessoas que distribuem camisinhas e os blocos dos homens vestido de mulher, algo que, um dia, em um estágio evolutivo superior eu, talvez, venha a achar alguma graça. E os blocos gays sempre coloridos, animados e desinibidos. Exatamente igual a parada gay que já aconteceu meses antes. Ah... ia me esquecendo dos chatíssimos concursos de marchinhas que consagraram genialidades como “a pipa do vovô não sobe mais”, “olha a cabeleira do Zezé” e outras pérolas (sic) do cancioneiro do folião.
Enfim, tudo igual outra vez de novo... a mesma coisa.

P.S.: Se não fossem os deliciosos dias de folga eu odiaria carnaval.

Outra coisa. O cara da foto acha que se deu bem, mas tenho para mim que ele pegou um travesti e só se deu conta quando a foto caiu na web. 

11 comentários:

Luisa L. disse...

eheheheh

E nós que por cá achamos o Carnaval do Rio tão alegre e colorido! :)
Mas eu acho mesmo, porque é.
Mas esta é uma época que não conta com a minha participação, tão simplesmente porque nada me diz.

Gostei muito da crónica.

Grande abraço
Luísa

Montanari disse...

Com folgas ou sem folgas eu odeio o Carnaval com todas as minhas forças. Gostaria que algo acontecesse no Brasil para que ele fosse cancelado. Assim como o futebol, o Natal e as olimpíadas de 2016. Tudo futilidade.

Anna Paula disse...

kkkkkkkkkkkkkk
eu acho que ele queria justamente um travesti, eles estão em alta!

wall Lamberty disse...

Ai pior, carnaval é mesmo um saco, sem contar q a moralidade cai de vulgar para algo mais horrível, ai sei lá, acho q o bom mesmo é só os dias de folga como vc disse... aff!
hehehe
Adorei o post!!!!!!
Beijo e mais sucesso!!!

disse...

Uma festa desnecessário, onde o País literalmente para pra ver o b loco passar....não gosto de carnaval acho uma perda de tempo e dinheiro!!!

abr

Marcus "OROCHI" disse...

Pois, os dias de folga valem muito. Mas acho muito mais interessante aproveitá-los para me reuinir com amigos em algum lugar menos movimentado (e com menos gente suada), ouvindo boa música e enchendo a cara em paz. xD

Wanderley Elian Lima disse...

Aplauso, aplausos, aplausos. Para mim carnaval também só vale para não trabalhar.
Abração

Nando disse...

"Na Bahia, vários trios elétricos com um monte de gente suada atrás e sempre há uma dança nova exatamente igual a velha, mas com nome de impacto." kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Carol Mioni disse...

Pior é que gosto do carnaval. Do clima de festa. Não curto todas essas coisas que vc citou. Gosto de juntar a galera, botar umas musicas do século passado, misturar com umas novas, fazer nossa festinha. Como outra festa qqr. Gosto do clima de festa.

Luciana disse...

Sim, carnaval é um saco! Acho até que deveria ser banido do calendário brasileiro, mas isso é uma coisa que nunca vai acontecer...carnaval trás muito $, esse ano trouxe até a madonna aqui ao Rio hehe... continua sendo o evento que mais atrai turistas e o setor turístico lucra tb, os políticos aproveitam, as empresas que vendem ingressos.
Enfim, todos ganham de alguma forma, e nós ganhamos os dias de folga! =P

Mamãe caprichosa disse...

Puxa!!! Ainda bem que não sou só eu que penso assim!!!
Eu fico pensando..será que eu e meu marido somos de Marte??? Pois detestamos essa folia exagerada que se vê de Norte a Sul do país!!
Nossa, o Carnaval são dois dias, mas o povo pula duas semanas...
Num país carente como o nosso,não dá para acreditar em toda essa alegria!!
Abs
Carla