sábado, 31 de janeiro de 2009

Egoístas, egocêntricos e ególatras....

As palavras egoísta, egocêntrico e ególatra são cognatas, ou seja, compartilham o mesmo radical. Daí, as confusões se sucederem com relação aos três termos. Para que se entenda melhor veja a explicação.
O egoísta é um sujeito que quer tudo para ele, o egocêntrico acha que todos estão falando dele, já o ególatra é um cara que não quer tudo para ele, mas acredita que merece e não pensa que todos estão falando dele, mas se tivessem bom gosto estariam fazendo isso.

***

Dois amigos conversam numa esquina. Chega um terceiro e o papo se encerra.

- Aí hein, estavam falando mal de mim...
- Não.
- Então, iram começar a falar.
- Também, não.
- Mente pra mim, não. Os dois aí, conversando, pararam de repente... era de mim que vocês falavam, né não?
- Pra falar a verdade...
- Sabia que iria admitir.. aí diz logo... Interrompeu.
- Não, para falar a verdade, nem nos lembrávamos de que você existia.
- Ah tá bom... disfarça maaal - cutucadas com o cotovelo se seguem...
- Por que estaríamos falando de você?
- Pô, cara, sempre estão... tá vendo aquele grupinho de mulheres ali... vai dizer que não vê que elas falam e olham para mim. E os taxistas ali... só falam, só falam... Aquele gordão então... fala e da umas olhadinhas de lado para cá.
- E você acha que eles estão falando o quê?
- Putz... tudo. Minha roupa, meu jeitão de ser, minhas frases de efeito...
- Como o quê?
- "Aí... tão falando mal de mim?" Putz, essa é uma marca.
- Humm
- E aí?
- Aí o quê?
- Vai ou não vai falar o que estavam falando de mim?
- A gente não estava falando nada, pô!
- Agora perdi a paciência. Além de falarem da vida dos outros ainda são mentirosos.
- Quem???
- Vocês. Vão cuidar da vida de vocês, cara, deixem de ser fofoqueiros, vivem falando de mim e ainda mentem. Eu não sei onde estou com a cabeça que não enfio a mão na cara dos dois...
E sai andando para abrir a porta de um carro com três adesivos no vidro da frente: "a inveja é uma merda", Falar de mim é fácil, difícil é ser eu" e "Vigiado por fofoqueiros". O carro se afasta. Os dois amigos prosseguem o papo.
- Bom, como eu ia lhe falando, o cara está completamente biruta, agora cisma que todo mundo está falando dele. Vai falar de alguém, fale de alguém interessante pelo menos...
- Quem?
- Eu.
- Ou até mesmo eu, por exemplo.
- Pois é.

***
Vai dizer que nunca conheceu um biruta assim?

Postar um comentário