terça-feira, 11 de novembro de 2008

A pauta que saiu.... Agora é seguir.

Definitivamente, não agüento mais pautas do Jornal Hoje com o tema: a língua que o Brasil fala. Veja os sotaques e expressões de diversas regiões do Brasil. O locutor abre um sorriso e fala isso com ares de primeira vez. Tenho sensação de que quando desliga para o comercial ele diz: Pô, gente, de novo!
Aí, depois quando volta do comercial, entra o exemplo de um gaúcho falando “Bah, tchê”, um mineiro falando “Uai”, um baiano falando “meu rei” e eu falando: tá na hora de mudar de canal. Parei de contar em 134 vezes o número que essa reportagem no Jornal Hoje foi ao ar. Agora só mundo de canal e pronto.
Falta de criatividade total e absoluta.
Estraga meu almoço.

***

E tema do Globo Repórter:
[voz de locutor]
Você verá no Globo Repórter desta noite: a vida sexual das andorinhas amarelas do sul da Indonésia. Como se reproduzem, onde vivem (já disse que era na Indonésia. Tirou toda a surpresa), o que fazem durante as tardes, o que pensam (?)... No Globo Repórter, desta noite...


Sky ou dormir cedo, ler uma revista ou um livro, escrever ou comentar post...?
Você decide! (Vixe! Esse nem passa mais)

17 comentários:

... disse...

Ih, Marcelo, o Jornal Hoje não dá pra engolir de jeito nenhum, por mais original que seja a matéria. Quando a Sandra Annenberg e o Evaristo Costa botam pra fazer piadinhas eu tenho vontade de dar um hadouken na TV.

Wander Veroni disse...

Oi, Marcelo!

Já parei de assistir o Jornal Hoje por achá-lo superficial d+. Já vi uma outra vez essa pauta, e concordo contigo: soa repeteco para tampar buraco no telejornal.

Também não aguento mais essa pauta do Globo Repórter que fica entre animais selvagens e saúde (nutrição ou doença). Existem milhares de outras pautas, será que a Globo não quer pensar ou tá com preguiça?

Sem brincadeira, o rádio e a internet estão me ganhando a cada dia. Tá muito mais interessante! Ah, e não tem nada melhor do que ler um livro, vc tem razão.

Abraço,

=]

-------------------
http://cafecomnoticias.blogspot.com

Marcio Sarge disse...

Pra mim é cada dia mais difícil assistir qualquer programa jornalístico da globo, mesmo o jornal da noite que parece que é levado mais a sério por vezes dá nos nervos o nível da superficialidade das matérias.
Mas ao meu ver o carro chefe do besteirol é o Fantástico, virou um programa de comadres, chato e superficial.
Não sei, mas penso que isso seja resultado do desespero da globo diante as investidas da Record que cada vez mais morde uma fatia maior do bolo.
Parece que merecido.

... disse...

E eu preciso comentar: toda vez que olho pro título do post (e ele tá sempre aparecendo nos links do meu blog) eu leio "a puta que saiu". Vou aproveitar que a faxineira tá aqui hoje e vou pedir pra ela fazer uma limpezinha na minha mente.

Henrique Hemidio disse...

Globo e você
Tudo a ver

To lendo aquele livro "A história secreta da rede globo"
é foda

"O povo não é bobo..."

Lilian Devlin disse...

Oi Marcelo!
Ontem, a minha ajudante( para ser politicamente correta e não chamá-la de "empregada"...rs) que está com o pai muito doente, não pode trabalhar e eu tive que ficar em casa e ser a ajudante do dia. Daí que pensei, nossa que legal, vou poder assistir ao jornal da tarde, coisa que há muito não sei o que é. E foi isso mesmo, aquela sucessão de pautas batidas( que a noite repetem), fora que as tragédias quesó mudam ou de endereço ou de personagem. Ou seja, percebi que não ando perdendo absolutamente nada por não ver.
E o dinheirinho bem gasto é o da tv a cabo, né? Se bem que tem horas que vc quase joga o controle pela janela, porque nada do que está passando é interessante. Principalmente aos domingos...
Bjs!
Ah, e graças a Deus, achei que era só eu, mas o " ..." acima está com o mesmo "problema" que eu!rs

Laila disse...

Eu às vezes acho que não dá pra culpar os jornais da TV aberta pela superficialidade. Afinal, do que é que o povo gosta?
Nós, que queremos ir a fundo nas questões, ver as notícias com detalhes, somos extrema minoria.
Não faz sentido um jornal cult numa TV pop. Quem vê o jornal nacional, por exemplo, são famílias esperando pela novela das 9, o pai fazendo comentários sobre a crise financeira e o valor do dólar como se estivesse num jogo de futebol, a mãe impaciente pela novela e os filhos tomando banho.
Detalhes só na imprensa escrita.

Flávia Damato disse...

Ri d novo, não teve jeito! rs

Acho q é isso mesmo q acontece em "off". Uma vez passou o comentário mto "gentil" do Datena na apresentação pela Band da festa do Caprichoso e Garantido. Acesas as luzes da câmera ele faz inúmeros elogios ao lugar e fala da alegria em prestigiar uma festa como aquelas. Pois bem, tão logo as luzes se apagam ele "solta" as farpas. Foi +ou- assim: Não vejo a hora d acabar essa festa! Isso aqui tá um saco! Putz, eu podia tá em casa uma hora dessas! rsrsrsrsrs
Na Globo não deve ser diferente! rsrs

Sendo assim, eu fico c/ a leitura d livros, revistas, e como não poderia ser diferente, comento os posts. rs

P.S.: Essa da vida sexual das andorinhas amarelas do sul da Indonésia... foi d doer! rsrsrs
Ainda estou rindo!... rsrs

Anônimo disse...

Desde o post sobre seus domingos na companhia do Dr. Drauzio Varella que eu lhe recomendo a mudança de canal...

Homenzinho de Barba Mal feita disse...

Você decide era legal, era mó debate para escolher qual final seria melhor. Era engraçado que tinha uma galera que ficava torcendo e acho que era o Zeca Camargo que entrevistava os populares, que assistiam o programa.
Você reproduziu muito bem as falas do locutor do Globo Reporter, é assim mesmo...rsrs
E realmente a pauta sobre os soteques do Brasile já deu no saco...

All3X disse...

A TV aberta tem sua grade de programação para atender a maioria da população, e isso quer dizer, voltada para o público de massa.
Assim, se reduz (e muito) o nível de densidade de conteúdo, passando eles a serem rasos...
Mas a TV terá que se reformular, com o avanço da internet, se você não gosta do que está vendo, pode você mesmo escolher outra fonte de informação e entretenimento.
Valeu, e somos nós quem decidimos (será mesmo?)
All3X

nega disse...

TV boa é aquela quebrada e pior que o Jornal Hoje é ouvir as imbecilidades que saem da boca da Miriam Leitão e Alexandre Garcia no Jornal da manhã e o fechamento da noite com Jô e suas Dondocas nas quartas tratando de política...
É de doer...

Tiago Laurentino disse...

tem tanta coisa pior...
Canais religiosos
gugu
revista veja
ana maria braga
e por ai vai....

ler um livro é uma boa...
rs

www.tiagolpsantos.blogspot.com

Cíntia Mara disse...

Gostei do seu blog, mas esse texto me chamou mais a atenção.

A cada dia tenho menos paciência para ver TV. Como não tenho NET e TV a cabo, acabo optando por dormir mais cedo. Ou então por um livro. O Globo Repórter então... só fala de "bichinhos" e "plantinhas".

Parabéns pelo blog, muito interessantes os seus textos.

Bom fim de semana!

Anna Paula disse...

sinceramente?
prefiro ver Chaves... ao menos é uma opção consciente de me sentir idiota...

Vinícius disse...

Globo reporte vc acha um bom a cada 6 meses, ai qdo falta criatividade para a produção vem esses temas absurdos, igual esses dias falando da vida sexual de cada estado... TV e isso nivel abaixando a cada dia.

http://sociedadedosmalas.blogspot.com/

Anônimo disse...

Ahahaha... é mesmo! Mas vamos admitir que o Evaristo é super carismático e a Anna, um doce! Acho q os dois dão uma vida ao jornal. Há algumas matérias chatas, mas outras compensam. No geral, eu gosto do JH.