sábado, 15 de novembro de 2008

O bom mau humor de cada dia.

Sou o tipo de público de teatro mais ranzinza que conheço. E olha que eu já fiz de tudo para melhorar. De uns anos para cá, com o advento do stand up comedy, acho que fiquei mais enjoado ainda. Nesse tipo de espetáculo, o ator tem que ser muito criativo e o humor é descartável... Ninguém agüenta ver duas vezes. Sinceramente, eu não sei como é que uma pessoa consegue achar graça em humorista que faz personagem de bêbado, conta piada de sogra e história de corno.

Estive em um show de humor certa vez e os três esquetes eram: um bêbado; acho deprimente e não sei como alguém consegue rir de um cara imitando alguém embriagado, falando confuso, caindo pelas beiradas e que, na minha concepção, é um doente grave. Soa-me mais ou menos como rir de alguém com câncer terminal. Não é má vontade minha não, mas está cada dia mais difícil ser educado nessas situações.

Depois, entra outro cara contando piadas de sogra. Bom, simplificando e encurtando a história. Sogra boa é sogra morta, sogra é bruxa, sogra tem que sofrer... Não tenho nada contra minha sogra, até que acho uma pessoa bem legal, mas sinto que se manifestar meu ponto de vista com um cara daquele, vou ser espancado. E pasmem, a piada mais nova é do tempo da antiga TV Tupi e ainda tem um filho da mãe na platéia que ri.

E, finalmente, as piadas de corno. As famosas listinhas de tipos de corno (Isso era para ser proibido por lei de tão gasto e repetitivo). O cara entrou, e, antes da primeira piada, perguntou: vocês conhecem um corno?

E, no silêncio de minha cabeça, pensei: corno eu não sei, mas um idiota que perdeu 10 reais e uma hora e dez minutos do seu tempo sentado aqui... esse eu conheço.

Muito prazer, Marcelo!

39 comentários:

meus instantes e momentos disse...

maneiro teu post. Vim para conhecer e gostei de vir. Valeu.
gostei daqui.
Tenha um otimo final de semana.
Maurizio

Cíntia Mara disse...

O pior é q tem gente q assiste Zorra Total e ri das mesmas piadas toda semana.

grupo gauche disse...

isso qdo é dez reais, por aqui pelo interiorrrr sai por uns 30 35 reais... dependendo do "humorista" e concordo com a pessoa acima, que falou sobre o Zorra Total, e deve dar ibope por isso não tira nem férias como o restante da programação

Marcus "OROCHI" disse...

Mas isso ñ é um problema só do teatro. As artes em geral (principalmente o cinema) têm ficado muito repetitivas e massantes, vc tem que garimpar bem pra achar algo realmente criativo e que valha a pena.

Vlws.

http://chamandocoringa.blogspot.com/

sohtralhas disse...

Realmente...

apoio que esta ficando enjuativo..

mas eu gosto de muitos comediantes que fazem a Standup [são poucos]

Cah~ disse...

Pois é, e porque eles insistem em fazer sempre as mesmas piadas sem graça?
Porque tem gente que ri delas, isso é deplorável.
Gostei do seu Blog. Você escreve muito bem! Meus parabéns!

http://minhavidacomonoslivros.blogspot.com/

Veiga disse...

realmente tem uns caras q sao mt fracos... se quiser te recomendo alguns stand-ups mt bons.


abraço


www.trocistas.com

Luccannus - Jesum Christum est semper! disse...

Muito interessante seu texto.
.
De fato, nunca havia parado pra pensar em como é grave e desrespeitoso imitação de bêbados, por exemplo, que, como você bem disse, são doentes.
.
A indústria das piadas virou muito automática e robótica: segue sempre o mesmo ponto programado, há décadas.
.
Muito legal o seu blog e este texto.
.
.
Grande abraço. Fique com Deus, na Paz.
___________

http://horateologica.blogspot.com/

All3X disse...

Marcelo, entendo sua posição, mas não seja tão ranzinza assim, a inteção é das melhores.. (Claro, a intenção é faturar uns trocados...rs)
Mas ainda existe salvação, a criatividade não morreu.
Esse blog é mais do que um exemplo para isso. Valeu e parabéns.
All3X

Wander Veroni disse...

Oi, Marcelo!

Não acho você ranzinza, muito pelo contrário: creio que você é uma pessoa sincera ao ponto de ficar revoltado pelas pessoas não respeitarem o seu ponto de vista. Minha irmã é assim também: pra falar a verdade, prefiro pessoas assim, que falam o que sente. Isso é raro!

Pois bem, o pior é que o seu texto levantou uma coisa séria: o humor não se renova. São as mesmas piadas, e às vezes, os mesmos humoristas. Concordo com você na piada de bêbabdo (e as preconceituosas também). O alcolismo é doença, por mais que seja um momento de descontração, isso deve ferir muito quem já passou por isso ou está passando.

Aqui em BH, de janeiro à março, na Campanha de Popularização do Teatro, 80% das peças são comédias. As mesmas piadas prontas e os mesmo temas. Tem peça que está há mais de 12 anos em cartaz, e bate a cada ano recordes de bilheteria, por colocar no palco o bêbado, o gay afeminado e o corno.

Assisti uma vez, até que vai...mas ir todo ano na mesma peça só pq é engraçado, daí é demais mesmo...hehehe...forçou a amizade, como diz meu irmão caçula. Gosto de humor, inclusive é uma possibilidade de mercado para muita gente. O CQC é uma prova disso!

Abraço,

=]

-------------------
http://cafecomnoticias.blogspot.com

Homenzinho de Barba Mal feita disse...

Sensaciomal piadinhas ao estilo Ari Toledo...rsrs
Isso que você escreveu é a mais pura verdade.
Nesse Show de Horror que você, só ficou faltando a piada de Homossexual, essa tem que ter, não é???
Eu gosto do estlilo de humor Stand Up, é um humor mais atual.
Eu gosto bastante dos Shows do: Rafinha Bastos e o Rafael Cortez. Ambos do CQC...

Abraços!!!



http://hdebarbamalfeita.blogspot.com/

Gúh! disse...

cansei de Zorra Total e afins :D

acabou a novela ponho na HBO



bom texto :D

Péricles Carvalho disse...

artes clichê?!!!


...


ótima reflexao, ótimo mau humor!

hehe

┼ Ģℓэн єяเkล! ┼ disse...

Pois é, tem cada programa humorístico por aí que ninguém merece!

Luiz Felipe disse...

vc esqueceu a piada de gay q hj contao mais q de bebado e sogra juntos...
hj em dia ta dificil encontrar uns cara com piadas "deferentes" e legais...
tudo muito repetitivo...

Net Esportes disse...

sem dúvidas, vc devia ter ganhado R$ 20 na saída por ter conseguido ficar até o final... !!!!! hahahah !!! show ultrpassadíssimo.....

Net Esportes

Mari disse...

Concordo q esses tipos de piada já não têm mais graça. Mas tem muito stand up comedy bom por aí que não é assim, já fui em muitos.
Bom, se você não for assistr, nunca vai saber se é bom ou não...

www.marikinhas.blogspot.com
www.marikinhasnacozinha.blogspot.com

Anônimo disse...

Realmente está cada vez mais difícil encontrar um bom show de humor. Praticamente não existe um meio termo entre o humor apelativo (CQC, Pânico, Casseta & Planeta, etc.) e aquele humor tradicional. É preciso reinventar o humor e para isso é preciso inovar. Parece que a criatividade do brasileiro anda mais voltada para dar "pernadas" nos outros do que para a produção intelectual (o humor de qualidade também é atividade intelectual).

P.S.: Te linkei no meu blog, cara, espero que não se importe.

LETÍCIA CASTRO disse...

Hehehe Acho que a sensação de tempo perdido é que é pior, né? Realmente, vc tem razão, os motes eram pra lá de batidos. Mas não desista, não, afinal a gente tem que se divertir.
É nessas horas que a gente se sente punido por ter um "pouquinho" de senso crítico, né? rs
Beijos!

ED CAVALCANTE disse...

Rapaz, você é ranzinza sim, mas tem argumentos convincentes. Tem coisas que eu não suporto também. Shows de pagode, shows sertanejos, ouvir rádio. Fico exatamente como vc nesse espetáculo de humor! rsss

Lilly disse...

Adorei seu post. Vim aqui conhecer seu blog e, gostei do estilo. Sou jornalista e escritora amadora, hehe, ou almejo ser e, criei o Blog: Seriados, Filmes & Afins. Vi um comentário seu lá, embora não em um Post meu, contudo, gostaria de agradecer a visita e, dar-lhe parabéns pelo texto.

P.S: Caso se interesse, por favor confira meu blog de textos: http://lili13.blog.terra.com.br

João de Carvalho disse...

Sua crítica é bem fundamentada. Gostei em especial da analogia que fizeste entre um bêbado e um paciente em estado terminal.

Mas a impressão que passaste fora de uma pessoa deveras ranzinza. Taciturna eu diria.

Parece que você é do tipo que não ri só para ser do contra. Só para tentar ter uma postura singular. Acho a vida breve demais para querer levar tudo à sério.

Sim, devemos ser críticos, mas o humor das coisas tem que partir mais do espectador do que de quem o faz (ou tenta fazer).

Beline Cidral disse...

(To sem acentos). Marcelo, achei que voce iria falar de teatro... rs Eu sou totalmente sem paciencia, quando me convidam a ir ao teatro pergunto: posso sair antes e esperar la fora se precisar? Os realistas que passaram do tempo, os contemporaneos que ainda nao chegaram la... ta cada vez mais dificil. Sobre os Standups... bom, a proposta nao e das mais glamurosas, o publico e aquele do cotidiano, nao fazem mais do que prometem a aqueles que pagam para nao mais do que rir do seu prorpio cotidiano... acho que vocxe estava esperando mais do que eles podem lhe dar, culpa nosssa, culpa nossa!

Anônimo disse...

Eu acho que sim você É RANZINZA, porém com o advento da internet, youtube, blog e outras ferramentas que disseminaram o fator "surpresa" dificultou muito a vida de qualquer humorista. O humor stand-up como você citou é uma novidade extremamente recente aqui no Brasil muito embora com a "popularidade" da internet como eu já citei possibilitou que qualquer pessoa com algum "senso" de humor pudesse fazer um show de 10 reais.

Sem contar o fato de que o stand-up não tem espaço na rede de tv aberta pelo fato de que é um humor totalmente sem censura e na minha opinião a televisão brasileira é ainda muito tradicional e só recebe bem os antigos humorista que eu chamo de humor de folhetim.

Não adianta nós público que nasceu na era digital aclamar e meio que exigir uma renovação no humor das emissoras de tv aberta. Somos reféns ainda do tradicionalismo empregado de toda tv.

Ruth Rocha disse...

Também sou do tipo ranzinza com piadas prontas de estereótipos: isso me dá preguiça, viu. O pior é a sensação de tempo perdido ao ver esses humoristas.

Marília disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk, totalmente sarcástico! Enfim, tem muuuuuuita merda na maioria desses shows de humor mesmo... O problema é que, quase sempre, eu estou no papel daquele que ri das besteiras!.;X

Lauro disse...

Apesar de que ainda rio dessas coisas, isso que disse é verdade.
Há muito desreipeito quanto isso.
E essa piada não tem graça nenhuma.
Que nem a gagueira, que o governo pôs um comercial na TV contra essas piadinhas.
Tem que ter piadas inteligentes, pelo amor de Deus.
Criatividade não falta aos brasileiros.




Acesse:
www.adcampos.com

vocefazobrasil.com disse...

oiii!!!
é realmente as piadas são as mesmas do sec.passado.
Mas estou apaixonada por esse cachorrinho lindo, com carinha de mal
humorado....que fofura!!!
bjs...bye!!!

Bruno Silva disse...

Ranzinza vc pode até ser, mas com o tipo de Stand-up que você anda frequentando, até eu ficaria.
Pô, você tá assistindo Faustão e o concurso de .. piadistas?

Abraço!
http://ladobdocassete.blogspot.com

Henrique Hemidio disse...

Nosso humor é negro amigo!

LETÍCIA CASTRO disse...

Marcelo, vc sabe que é recíproco e, quanto ao convite, está topadíssimo! É só dizer quando.
Um beijão e muito obrigada pelo comentário, fiquei emocionada.
Ótima semana pra vc!

O amor e etc. disse...

Dividimos a mesma opnião. Na verdade eu odeio piada de loira, de português, de bicha...
Acho uma falta de respeito sim,honestamente. É uma atitude deliberada de preconceito. Já que estamos indo ao eatro que tal assistirmos algo que nos enriqueça cultutalmente, não é?

Laila disse...

Poxa, senti até uma invejazinha agora...
Na minha cidade não tem teatro.
Nem bom nem ruim, nem comédia nem drama.
(Tirando uns perdidos duvidosos de vez em quando)
Pelo menos nas cidades grandes tem mais opções, a pessoa tem 10, 15 peças em cartaz pra devidir.

Marcio Sarge disse...

Pô Marcelo! Acho mesmo que você deu azar na escolha da apresentação, os comèdiantes em "pé" que vejo são muito bons, sempre com piadas sobre atualidades que forçam as pessoas até procurarem as fontes quando perde algo.

Em tempo acho até que esse tipo de espetáculo venho mesmo salvar a comédia no Brasil, uma vez que temos que conviver com Zorra Total, Praça é Nossa e outras "comédias" realmente deprimentes na tv.

Falou!

... disse...

Bom, eu fui a uma peça de stand up comedy que me fez passar mal de tanto rir, justamente porque foge das piadas prontas (odeio humor de piada pronta). É, Marcelo, você parece que tem mais momentos azedos do que eu.

Gran Magic Carmesin: Nat Valarini disse...

Boa noite Marcelo!

Muito bom!
Seu texto fez uma crítica bem fundamentada e muito realista, algumas pessoas querem apenas aproveitar das coisas manjadas por pura preguiça ou incompetência mesmo, deixando tudo sem graça.

Bjoks!


http://ocaoinfiel.blogspot.com/

Fábio Flora disse...

A foto do cachorrinho fofo-bufando é perfeita para o texto.

A gente ri e chora com as mesmas piadas de sempre. Mas as sogras têm uma parcela de culpa nisso, não?

Hideki disse...

Hehehe é complicado, hoje em dia todo mundo ri de tudo, quantos programas humoristicos fazem da desgraça dos outros fruto e riso. O Pânico por exemplo, outro dia liguei a TV e vi algo deprimente, um dos quadros o cara começa a chorar na hora que o "entrevistado" começa a contar a história da sua vida, sinceridade é fazer pouco dos outros. Vou ser sincero, eu sou do tipo de pessoa que dependendo do estado de espirito, acho graça de qualquer coisa, MAS eu acho graça pq eu QUERO rir, eu preciso rir coisa minha... até levando bronca da minha mãe eu rio :( vai entender...

Abração

Anônimo disse...

Piada repetida é sempre um saco!
Nunca faz graça!
Também não tenho grande senso de humor.
Só piadas extremamente inteligentes me fazem rir.
Interessante sua comparação de bêbado com uma pessoa com câncer..
Nunca tinha pensado por este lado e faz sentido.