quarta-feira, 18 de junho de 2008

Esse sedutor Orkut...

Não adianta me convidar para o myspace, GAZZAG, HI5... sei lá. Sinto um Q de lealdade ao Orkut. Afinal, foi ele que nós ensinou compartilhar informações com amigos via scrap, expressar nossos gostos e expectativas, encontrarmos pessoas como nós em comunidades, acharmos velhos colegas de escola e, até mesmo, aprendemos a cultuarmos o ócio com a dignidade das comunidades sem sentido (EU RESPIRO ENQUANTO DURMO, EU SOU IRMÃO DO FILHO DO MEU PAI, MEU VIZINHO MORA PERTO DA MINHA CASA...).
É claro que há os pervertidos que em seus momentos de ócio mais absoluto saem pelo Orkut dando bom FDS para Deus e o mundo, mas isso é patológico. Precisa de tratamento médico, não de críticas.
De uns tempos para cá, o Orkut assume tons até de oráculo e coloca mensagens dignas das mais profundas idéias dos livrinhos de bolso: seu dia trará uma grande e feliz descoberta. Sua sorte irá lhe sorrir nesse dia. A vida abrirá novos caminhos para você.
O pessoal do Orkut é tão legal... vi um cara na TV que foi atropelado por uma carreta quando trocava pneu. Matei a charada... esse não checou o seu Orkut hoje. Se o tivesse feito, isso não teria acontecido. É por essas e outras que não passou um dia sem saber o que o Grande Orkut tem reservado para mim.
E as fotos atualizadas dos colegas de perfil. Vez por outra, aparece um monte de fotos de um monte de gente que você nem se lembrava de que tinha adicionado como “amigos”. Aí você pensa; caramba, quem é esse cara? Tudo isso colocado estrategicamente em cima de uma listinha ao estilo das escolas primárias: aniversariante do mês. E, nesse momento, saímos dando um monte de parabéns que se dependesse de nossa memória, nem saberíamos que os camaradas faziam aniversário naquele dia. Olhamos nossa lista. Digitamos em um scrap e saímos distribuindo CRTL+C/CTRL+V para os ilustres, porém desconhecidos aniversariantes.... ”de onde eu conheço esse cara mesmo?” Sei lá. Mas o parabéns me fez sentir uma pessoa melhor... mais atenciosa com o mundo. Graças ao Orkut.
De vez em quando uma alma caridosa enche o nosso scrap com mensagens de paz e amor que eles insistem em dizer que lembraram de você quando a viram, mas não dizem que lembraram dos outros 976 perfis adicionados como amigos dele/a também.
Aos mais sacanas, sempre deixam um scrap de uma moça (até bonitinha) que faz de tudo na frente de uma webcam ou que o namorado malvado divulgou as fotos deles transando e ela se encarrega de alardear. Ah... quase esqueci da festa do BBB que a Globo não mostrou. Mas o Orkut está lá para mostrar tudo.
E aqueles scraps com letrinhas que formam uma imagem... que doçura! O colega de perfil te mandou (você nem lembra quem é o infame), mas o cara lembrou de você junto com os outros 976 perfis dele... Quanta consideração.
Olha, chegou uma mensagem... Ah.. aquele colega bacana que manda mensagem de paz e esperança para você no scrap... Olha anjinhos... poxa, que bom que ele lembrou de mim! De mim e de mais 976 perfis na página dele...
Caramba.. De onde eu conheço esse desgraçado mesmo?!
Postar um comentário