domingo, 10 de fevereiro de 2008

Blogs e Blogueiros... e você?

Gostei desse universo de blogosfera, aliás, acho este neologismo o máximo, mas ainda engatinho e não pude deixar de notar que há tipos e temas que são recorrentes. Há vários tipos de blogs e blogueiros. Comecemos pelos blogueiros e deixemos os blogs para uma outra oportunidade:

O adolescente revoltado
Adota uma postura rebelde fala com ares de "o mundo me odeia e eu odeio o mundo, os outros não me entendem e eu sou alguém desolcado no mundo". No geral, usa um monte de imagens e faz referência a um monte de bandas que eu (um velho de 36 anos) nunca ouvi falar. O blog tem cores forte e imagens que, muitas vezes, repetem-se em inúmeros blogs e sites da internet. Adotam nomes do tipo: palavrasesangue, gritodeliberdade, solidaoemletras...

Se conselho fosse bom, ninguém dava, vendia, mas aí vai um grátis...
O mundo não te odeia, as pessoas te entendem sim, você não está deslocado no mundo.. é só impressão sua. E deixa de frescura e vai estudar que tem prova na semana que vem. Ah... e quando você passar dos 30 vai achar o título do seu blog e bandas com títulos como fucking cops coisas patéticas.

O Cronista Teen
Postura barbie, blog com fotos das "miguxas", "dos Xurras". Uso intenso de abreviaturas do tipo "niver"... Fala do próprio cotidiano e aborda o tédio existencial. Normalmente, o tema só interessa a ela mesma e tem um monte de link de foto de coisas como Niver da Fê (é surpreendente como existem pessoas com nomes do tipo Paty, Fê, Va, Su... proliferam os monossilabos de maneira assutadora). Adotam nomes do tipo: blogdafe, diariodaju...

Se conselho fosse bom, ninguém dava, vendia, mas aí vai um grátis...
Seu cotidiano é um tédio mesmo, tente fazer de seu um diário uma piada e não um drama.. senão piora.

O tecnológico
Repete as notícias já encontradas em portais sobre tecnologias e faz algumas adpatações para dar um ar de novidade. Dentre os citados ainda é o mais interessante, mas por repetir o que já foi escrito na internet recebe comentários do tipo : legal, vou comprar um... Muitas vezes, vem com uma dúzia de banners que mandam a gente clicar, oferecem serviços, apresentam selos de concursos de blogs. No geral, eles querem é que você visite e aumente a pontuação dele. Adotam nomes do tipo: tecnomundo, infotecno, universodigital, digitoetal...

Se conselho fosse bom, ninguém dava, vendia, mas aí vai um grátis...
Desista! Não vou clicar nas suas propagandas. Ah sim... prefiro o site da INFO.

O Intelectual
Fala de cinema, teatro, dança, livros, música (normalmente jazz e blues), cita autores e faz relações intertextuais que mostram suas leituras-cabeça. Escreve textos grandes e em letras pequenas. No geral, são legaizinhos, mas no fundo são uns chatos. Sempre lembram que os comentários feitos no seu blog devem ser a altura de sua geniallidade (não dizem isso, mas deixam insinuado nas entrelinhas). Adotam nomes do tipo: dialeticabrutal, onusvital, verbavana,...

Se conselho fosse bom, ninguém dava, vendia, mas aí vai um grátis...
O pessoal anda falando que você é fresco. Eu defendo dizendo que é só o seu jeitão. Você não é gay, é só chato pra cacete. A gente já sabe que você é culto, agora, aja naturalmente.

O comediante
Enche o Blog de video do YOU TUBE que todo mundo já cansou de ver, coloca foto montagens e faz control+C e control+V em piadinhas de sites de humor. Costuma vir cheio de banner e dá a impressão que tem milhões de visitas/dia. Adotam nomes do tipo: batataoca, ovochoco, sapocareca... ou outro nome engraçadinho...

Se conselho fosse bom, ninguém dava, vendia, mas aí vai um grátis...
Se quero vídeo do you tube, vou lá... não gosto das fotomontagens pois já vi umas 10 dessas na web... ah e se insistir, paro de rir por educação...

O umbigocentrico
Gosta de temas exóticos do tipo um herói de mangá com aquelas historias estranhas que envolvem demônios, vida em outra dimensão e coisas do gênero. Pede em comunidades de blogueiros que façamos comentários. Caramba.. Comentar o quê? Adotam nomes do tipo: dimensaokakuto, kakutomundo, kakataluta.... Normalmente, vigiam quem diz que comenta e não comenta, precisam que comentem.

Se conselho fosse bom, ninguém dava, vendia, mas aí vai um grátis...
Aquele herói japonês é curtição sua e dos colegas de sala. A maioria das pessoas não entende nada...

Os estéticos
Colocam flash, recursos de banner, inserem imagens, cheio de banner é um verdadeiro circo. Selo de concursos de blogs, links.... Normalmente, o conteúdo é inversamente proporcional a quantidade de papagaiada. Para não dizer que não tem nada, sai colando link do you tube, piadinhas e escreve umas linhas (umas duas mesmo, no máximo)

Se conselho fosse bom, ninguém dava, vendia, mas aí vai um grátis...
Tá legal.. no meio dessa piscação de banner, eu tenho que comentar o quê? Ah.. também não vou clicar nos seus baners... desista

O Escritor frustrado
Coloca capítulos de um livro que escreveu e que aborda de maneira teatral coisas banais (acha isso genial e sempre tem um séquito fiel que também faz o mesmo). Este se parece muito com o intelectual, mas é mais insistente e acha que todo mundo que entrar no seu blog vai ler aquele post imenso que ele publicou. Divide post em capítulos e acha que tem maluco que acompanha. Um dia pretende publicar (Deus nos proteja), mas ainda está buscando parcerias (Deus os proteja)...

Se conselho fosse bom, ninguém dava, vendia, mas aí vai um grátis...
Kafka foi genial com a Metamorfose, você não está sendo nem original, nem genial... pára com isso, rapaz.

Ah, e tem os cronistas chatos (e implicantes assumidos), como eu, que escrevem sobre os blogs que visita e acha graça em tudo que lê.
Isso é rir do cotidiano e torna as coisas mais leves.

Qual tipo é você? A lista encontra-se aberta para acréscimos....
Postar um comentário